Ler introdução completa

Mas eu sou como uma oliveira que floresce na casa de Deus; confio no amor de
Deus para todo o sempre. Salmo 52:8

segunda-feira, 18 de julho de 2011

Noite da pesada


A noite passada foi bem difícil. Vitorinha deu um trabalhão! Semana passada tivemos uma trégua, mas no final de semana ela voltou a reclamar muito dos dentes que estão nascendo. Ela já teve noites difíceis, mas essa última foi a pior de todas. Ela ficava chorando e se contorcendo, pegava a chupeta e ficava sugando muito forte, de até fazer estalo, bem acordada.

Passei camomilina e dei umas gotinhas de luftal, pois ela parecia estar com gases e cólicas. Ontem o intestino dela estava bem solto. Fiz massagem na sua barriguinha, e exercício dobrando as perninhas. Ela fez um belo cocô, mas continuou muito inquieta e dei umas gotas de alivium e passei nenê dent. Levamos ela para nossa cama para tentar fazê-la dormir - isso normalmente funciona nessas noites mais críticas. Mas que nada... ela passou a noite brigando, chorando, se torcendo toda. Dava uns cochilos rápidos e acordava, se contorcia tanto que quase se levantava sozinha da cama. Percebi que o desconforto vinha dos dentes pois ela estava salivando muito, tanto que até se engasgava (excesso de saliva + braveza = se jogar para trás e engasgar), então tínhamos que segurá-la bem para frente e ajudá-la a se acalmar.

Descobrimos há bastante tempo que ela consegue relaxar e dormir se a gente a abraça bem forte, quando ela está deitada, colocando o peso do nosso corpo por cima dela. Isso a ajuda a perceber os limites do seu próprio corpo e a relaxar quando está agitada (mais tarde uma terapeuta ocupacional confirmou essa nossa técnica). Isso resolvia por um tempo mas logo ela acordava chorando. De madrugada ela ficou com um pouco de febre (ou hipertermia), deixei-a descoberta e a temperatura foi abaixando. Acho que ela estava com calor de tanto brigar! Quase não acreditei quando o despertador tocou às 6h da manhã e praticamente não tínhamos dormido! Estava com as costas todas doloridas de ficar abraçando-a de lado na cama. Andei um pouco com ela no quarto e passei mais uma vez nenê dent. Ela finalmente acalmou e dormiu feito um anjo, como se nada tivesse acontecido.

Depois desse baile de madrugada, nem ela nem eu tínhamos condições de ir à fisioterapia... descansamos pela manhã e a deixei bem relaxada durante o restante do dia. Hoje na AVAPE tínhamos que levar sagu, as terapeutas iriam fazer uma atividade diferente, ela ia se sujar toda colocando mãos, pés e também comendo sagu. Infelizmente a brincadeira teve que ficar para uma outra oportunidade... :-(

Ela passou o dia sonolenta, mas conseguiu comer. Agora há pouco ela começou a reclamar e passei mais camomilina, ela está conseguindo morder mais e parece que a dor está localizada na região dos molares. Ela me deu uma mordidona com seus quatro dentinhos da frente que já nasceram! Peguei o mordedor e coloquei na sua boca, ela não gosta muito, mas dessa vez acabou mordendo com a região dos molares, mordeu algumas vezes, depois fiquei esfregando aquelas bolinhas do mordedor na sua gengiva até que ela se acalmou e dormiu bem tranquila.

Ela ainda não consegue levar sua mãozinha à boca, nem levar objetos à boca para morder, e nem gosta que a gente tente massagear sua gengiva, mas está aprendendo que massagem e mordedor ajudam. Ela tem levado muito sua mão ao rosto e quando a gente menos espera ela começa a beliscar as bochechas. Acredito que é uma tentativa de coçar o local que está doendo. Não conheço outras crianças especiais que tenham passado por um processo semelhante, e se existe algo diferente a fazer para aliviar essa dor que ela sente. Mas vamos tentando ajudá-la e descobrir o que ela está sentido e o que precisa. Não vejo a hora dessa fase passar mas o pior é que está só começando...
O bom de tudo isso é que é um processo natural por causa dos dentes, ela já está ficando com um lindo sorriso com 4 dentinhos e espero que, quando os molares já tiverem nascido ela consiga comer alimentos novos e experimentar diferentes texturas de comida.

Essas fotos foram tiradas no mês passado, mas dá para ver bem como ela fica quando está reclamando da dor nas gengivas. Vocês também podem ver como ela tem um arranhão no rosto de ter se beliscado :-( Ontem mesmo eu cortei suas unhas bem curtinhas!






Essas fotos foram tiradas no último sábado
Ela está com a mão fechada em protesto, dizendo para a gente que está com dor

continua em protesto

ficando mais brava

aqui ela está com um "chiliquinho"

mas sempre acalma com um carinho

13 comentários:

  1. Sei que a situação não é fácil , mas não pude deixar de rir imaginando uma mocinha bem brava querendo morder a mamãe, rsrsrs.

    Espero que esses dentinhos saiam logo e que os próximos sejam mais legais com a Vivi. A cada dente do meu Felipe era uma novidade: febre, diarréia, irritação na pele...a pediatra achava que uma coisa não tinha nada a ver com a outra, mas mãe é mãe. Era um dentinho apontando e essas chatices aparecendo.

    Mas...TUDO PASSA!

    Fiquem com Deus!

    ResponderExcluir
  2. até nervosa ela consegue ser fofa e encantadora! mas é assim mesmo... dentes são um trabalho e tiram as noites de algumas mamães! mas não costuma ser assim com todos os dentes não, é que tem alguns que encomodam mais. pelo menos aqui foi assim, espero que aí tb! ah quando for fazer a atividade do sagu tira bastante fotos. fiquei imaginando a bagunça que ela vai fazer rs! adorei a idéia! beijos!

    ResponderExcluir
  3. Os dentes são sempre um sério problema né...
    Isabela está com 4 dentes e tem mais trÊs rasgando!
    Anda mordendo até o vento!
    E ela tbm não é fá de mordedor...
    Ela gostava quando eu colocava a escovinha de silicone no meu dedo,aí ela coçava bastante...

    Ah vou t mandar um e-mail a respeito do vídeo!

    ResponderExcluir
  4. sabe o que é legal não sei se ela vai gostar mas podiam tentar...legumes bem gelados, tipo cenoura geladinha prá aliviar a dor na gengiva..colocar na boca ela vai roendo e refrescando...e aqueles mordedores de gel que podem ser deixados no frezzer.

    ResponderExcluir
  5. Bom dia, Joana!
    Realmente, tem dias q são piores!
    Alias, piores q os dias, são as noites, as madrugadas!!!
    Mas passa viu? É uma fase...
    Eu estou me preparando pra isso,
    já tive essa experiencia (meu filho mais velho, Giovani, tem 9 anos) e logo terei outra, Gabriel, meu caçula, está com 6 meses e logo vem a fase dos dentes!!!
    Parece q não vai acabar nunca!!!
    Dê um bj na Vitória!
    Acompanho vcs há um tempo e aprendo com vc a cada dia!
    Bj
    da Li

    ResponderExcluir
  6. Oiii Joana!
    Acabei de escrever um email pra vc te contando um pouquinho do momento que estamos vivendo , e te disse do quanto ela tem personalidade e do baile que de vez em quando parece dar, agora entro aqui e me deparo com vc escrevendo exatamente do baile e da braveza , mas com certeza tudo isso vai passar e toda criança sofre muito e fica realmente indisposta , mas o que mais me chama a atenção è com a paciència e ternura que vc administre toda essa fase , Parabensssss !,vc realmente è especial.
    Bjos e uma mordidinha nessas bochechinhas fofas.

    ResponderExcluir
  7. Mesmo com "chiliquinho" ela é linda!
    Bjos

    ResponderExcluir
  8. Oi Joana.
    Encontrei o seu blog por ai passeando em outross blogs. Não pude deixar de te enviar um recado e te seguir. Muitas pessoas já devem ter escrito a mesma coisa que vou escrever agora. Queria te dar os parabéns, pela sua força, coragem, dedicação, fé, e tudo aquilo de bom que se pode chamar. Você é especial e com certeza Deus enviou a ti um anjo, porque sabia que estava enviando para as pessoas certas. A vitoria é linda, é gordinha(da vontade de apertar), fiquei encantada. Adoro a sua simplicidade e a forma de como você administra todas as suas tarefas.
    Um super beijo para você e para a Vitória.

    ResponderExcluir
  9. chiliquinho com direito a charminho!!! :)

    ResponderExcluir
  10. Joana, deu muita risada vendo as fotinhas da Vitória...rs Ela protestando é um barato! Minha pequena tem 1 ano e 1 mes, e tb estamos sofrendo com o nascimento de seus dentinhos, ela tem 6 dentes, 4 em cima e 2 embaixo, ontem não vim trabalhar, pq além dos dentes ela teve muita cólica, e ACREDITE me identifiquei tanto com seu post, não dormimos, acho q a cada 20 min ou 30 min ela acordava e BERRANDO! MAis uma coincidencia, a Carol DETESTA mordedor, tudo q não é pra colocar na boca ela gosta, mas mordedor, aff, difícil fazer entender q aquilo vai ajudar! O pediatra pediu pra começar a escovar seus dentinhos, ela até gosta, mas qq outro estímulo, na gengiva, ela fica muito brava!...rs Essas pequenas, e é como vc disse! Está apenas começando...rs

    ResponderExcluir
  11. Comecei a passar por aqui em silêncio, sobretudo por não me sentir capaz de escrever sobre o que sinto com o que leio. Hoje vou tentar. Parece que durante este tempo comecei a conhecer-vos, como família e à Vitorinha e ando a torcer por ela e gosto muito dela.
    um beijinho
    Gábi

    ResponderExcluir
  12. A Vitória está uma bonequinha cheia de saúde!
    Que Deus a preserve sempre assim.
    Um abraço,
    Lets

    ResponderExcluir
  13. já faz um tempo que acompanho seu blog,já me emocionei,já fiquei feliz,triste,preocupada,já chorei...tenho muita simpatia por voceis e em especial pela dona vitória,meu Deus essa historia dela é linda uma lição de vida,sem falar que ela é uma gatinha,da vontade de abraçar,de aconchegar nos braços,cada dia ela se supera,ta linda essas fotos principalmente essa primeira,que carinha de sono,que judiação,esses dentes...ai,ai,ai.fiquem com DEUS e da um beijo nessa princesa

    ResponderExcluir

Muito obrigada pela visita ao nosso blog. Comentários são bem-vindos e muito especiais! Por favor confira algumas orientações antes de deixar sua mensagem:

1) Este blog é um registro pessoal de nossa vida com nossa filha Vitória, que viveu conosco por 2 anos e meio após a gestação. Ela faleceu em julho de 2012.
2) Comente de maneira séria e respeitosa. Mensagens ofensivas ou desagradáveis irão p/ a lixeira.
4) Infelizmente nem sempre consigo responder todas as mensagens que recebo, mas leio a todas com muito carinho.
5) Se você está vivenciando ou vivenciou uma gestação de um bebê com acrania e anencefalia, temos um grupo muito especial de apoio no Facebook onde você será bem-vindo: www.facebook.com/groups/acraniaeanencefalia (copie e cole este endereço em sua barra de endereços da internet)
6) Se preferir, contate-me pelo e-mail joanaschmitz@yahoo.com.br

Muitíssimo obrigada por sua compreensão e respeito.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...